Central Data Catalog

Citation Information

Type Working Paper
Title Conflitos e participação no uso da água da barragem de poilão, Ilha de Santiago, Cabo Verde.
Author(s)
Publication (Day/Month/Year) 2014
URL http://www.portaldoconhecimento.gov.cv/bitstream/10961/3969/1/TESE VLADMIR VERSÃO PARA A BANCA.pdf
Abstract
Esta tese tem como foco principal analisar os conflitos e a participação resultantes do uso
da água da BP, Ilha de Santiago, Cabo Verde, na fronteira entre os municípios de Santa
Cruz e São Lourenço dos Órgãos. Neste estudo procurou-se, através da sociologia
pragmática de Luc Boltanski e a partir da perspetiva de um leque de teóricos póscoloniais
que abordaram as questões associadas ao desenvolvimento local, caracterizar as
várias dimensões simbólicas (ou não) associadas aos modos de representar, apropriar e
utilizar a água. Procurou-se também evidenciar os elementos de explicação das
estratégias e posicionamentos dos diferentes atores envolvidos (agricultores, técnicos e
dirigentes da administração pública) neste projeto de desenvolvimento baseado na
construção de um novo modelo de organização e produção agrícola na comunidade de
Poilão. Os dados empíricos nos demonstram que está a ser implementado um novo
modelo de desenvolvimento rural por via da transformação deste bem natural em um
“recurso” comercializável e pela profissionalização dos problemas de desenvolvimento
através do surgimento de técnicas e competências especializadas que promovem uma
utilização “racional e eficiente” da água para rega. Os agricultores reclamam uma
intervenção mais integrada e programada das autoridades no que toca às questões de
desenvolvimento do mundo rural que deve passar não só pela construção de barragens,
mas também por modelos de gestão mais participada, apoio técnico, sistemas de
transporte eficiente para o escoamento dos produtores, melhor regulação dos preços e da
importação de produtos concorrentes da nossa agricultura. Estas contestações têm tido
eco nos espaços públicos, com certa regularidade, sobretudo sempre que houver
abaixamento de preços em produtos dominantes na região como a banana, problemas de
transporte com vista ao escoamento de produção para outras ilhas e pragas nas
plantações. O maior desafio para as autoridades e gestores da BP, nos próximos tempos, é
encontrar formas de garantir que os espaços de tomada de decisões sejam efetivamente
públicos, tanto no seu formato quanto nos resultados. Espaços de formulação de políticas,
onde os atores envolvidos neste projeto possam participar, marcados pelas contradições e
tensões, representam um avanço na medida em que dão ao conflito uma maior dimensão
pública e oferecem procedimentos de discussão e negociação.

Related studies

»
»