Central Data Catalog

Citation Information

Type Journal Article - Rev. Bras. Farm
Title Acesso a Medicamentos Medido no Nível Domiciliar: A Proposta da OMS e Outras Iniciativas Brasileiras
Author(s)
Volume 92
Issue 3
Publication (Day/Month/Year) 2011
Page numbers 223-231
URL http://www.rbfarma.org.br/files/rbf-2011-92-3-24.pdf
Abstract
A fim de analisar como o tema de acesso aos medicamentos foi abordado em inquéritos domiciliares de abrangência nacional, selecionaram-se estudos que abordaram a questão em nível nacional: PDAUM-2004; Pesquisa Mundial de Saúde (PMS-2003); Pesquisa de Orçamentos Familiares (2002-2003) e Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílios, Suplemento Saúde (2003). Além das características gerais e resultados, analisaram-se as dimensões do acesso contempladas por cada experiência. Quanto às dimensões abordadas, ‘Capacidade aquisitiva’ mostrou-se gargalo importante para o acesso. ‘Disponibilidade de medicamentos’ e ‘acessibilidade geográfica’ foram medidas somente pela PDAUM. ‘Adequação’ foi avaliada em três pesquisas e apenas a PMS abordou a satisfação do usuário com a qualidade dos medicamentos. O valor do acesso na PDAUM (90%) e na PMS (87%) foi bastante convergente. Não há uma pesquisa que, individualmente, contemple de forma integral todas dimensões do acesso e apresente, ao mesmo tempo, foco em problemas mais abrangentes da população, amostragem robusta, fácil operacionalidade e baixo custo. É importante que os países considerem as vantagens e desvantagens de cada iniciativa ao escolher o método de avaliação do acesso aos medicamentos e pensem na combinação de metodologias rápidas e de baixo custo com métodos mais onerosos, para orientação de políticas públicas.

Related studies

»