Central Data Catalog

Citation Information

Type Journal Article - Rev Bras Epidemiol
Title Desigualdades Associadas à Não Realização de Mamografia na Zona Urbana de Teresina-Piauí- Brasil, 2010-2011
Author(s)
Volume 15
Issue 4
Publication (Day/Month/Year) 2012
Page numbers 737-747
URL http://www.scielo.br/pdf/rbepid/v15n4/06.pdf
Abstract
Fundamentos: Estudos demonstram que a realização da mamografia em programas de rastreamento diminui a mortalidade do câncer de mama. Entretanto, há indícios de grande desigualdade no acesso à realização deste exame no Brasil. Objetivos: Analisar o percentual de mulheres que não realizaram mamografia segundo variáveis socioeconô- micas e demográficas em mulheres de 40 a 69 anos de Teresina-PI. Métodos: Estudo transversal realizado em 2010/2011, com amostragem multifásica em cinco etapas, realizando-se entrevista face a face com cada mulher sorteada. Processou-se os dados com programa SPSS 19.0, realizando-se análise uni e multivariada. Resultados: Dentre as 433 mulheres que responderam o questionário, a taxa de realização de mamografia foi de 75,3%,sendo que, destas, 17,2% a haviam realizado há mais de dois anos. A não realização de mamografia esteve relacionada com raça parda/negra (p = 0,030), ausência de companheiro (p = 0,041), menor grau de instrução (p = 0,010), menor renda (p < 0,001), tabagismo (p = 0,006), não possuir plano ou seguro de saúde (p < 0,001). O Sistema Único de Saúde (SUS) foi responsável por realizar 56,3% das mamografias. Conclusão: 24,7% das mulheres teresinenses nunca haviam realizado mamografia e 37,9% não a haviam realizado nos últimos dois anos. A não realização deste exame foi associada à existência de desigualdades racial e socioeconômica.

Related studies

»