Central Data Catalog

Citation Information

Type Thesis or Dissertation - Mestre
Title Associação entre Indicadores de Atenção Primária em Saúde Bucal e Condições Socioeconômicas e de Provisão de Serviços Públicos Odontológicos nos Municípios do Estado de Goiás
Author(s)
Publication (Day/Month/Year) 2010
URL http://www.cpqam.fiocruz.br/bibpdf/2010Batista-smo.pdf
Abstract
Esta pesquisa buscou a associação entre os indicadores da Atenção Primária (AP) em saúde bucal e as condições socioeconômicas, de fluoretação, provisão de serviços odontológicos e alocação de recursos federais para a área de saúde bucal nos municípios do Estado de Goiás, nos anos 2006, 2007 e 2008 e descreveu o desempenho desses indicadores em relação às metas pactuadas. As variáveis dependentes foram: Cobertura de Primeira Consulta Odontológica Programática (COB), Média de Procedimentos Odontológicos Básicos Individuais (POBI), Proporção de Exodontias na Dentição Permanente em relação ao total de Procedimentos Odontológicos Individuais (EXO). As variáveis explicativas foram: População dos municípios, Índice de Desenvolvimento Humano Municipal, Presença de flúor na água de abastecimento público e Anos de fluoretação, Número de Equipes de Saúde Bucal (ESB) na Estratégia de Saúde da Família (ESF), Recurso federal aplicado ao pagamento das ESB na ESF e Razão entre o número de dentistas cadastrados no serviço público no município por mil habitantes. As principais associações foram: a variável EXO apresentou correlação negativa com todas as variáveis do estudo; quanto maior a População do município, maior o tempo do benefício do flúor na água, maior o Número de ESB, maiores os Repasses financeiros federais para o custeio dessas equipes e menores os resultados de acesso aos serviços. A maior correlação encontrada foi entre o Número de ESB e o Recurso federal para o custeio dessas equipes. Os resultados do alcance das metas pactuadas para os indicadores da AP foram baixos. Os municípios com valores de Razão de CD por mil habitantes, acima da mediana, tiveram aumentada a chance de alcance das metas pactuadas. Foram construídos mapas segundo o alcance das metas pactuadas para os indicadores de AP. Pelos resultados, deduz-se a dificuldade em demonstrar a influência desses indicadores sociais nos modelos de assistência odontológica na AP adotados nos municípios.

Related studies

»